Tarumã realiza treinamento de capacitação para Telemedicina

A prefeitura municipal de Tarumã realizou, na manhã de sexta-feira, dia 6 de março de 2020, um treinamento de capacitação e o atendimento da primeira agenda de oftalmologia, terceira especialidade do programa Saúde Inteligente,que usa a tecnologia de telemedicina. A população da cidade receberá atendimento em quatro especialidades: cardiologia, oftalmologia, dermatologia e otorrinolaringologia.

Os exames são realizados no Posto de Atendimento e nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) de Tarumã e enviados a uma Central de Inteligência Artificial, que faz a avaliação do exame e encaminha ao médico especialista com a sugestão diagnóstica para realizar o laudo. Caso seja detectada alguma anormalidade, o especialista entra em contato com o profissional da unidade, por meio da telemedicina, para orientar a conduta que deve ser aplicada. O projeto, em Tarumã, é pioneiro no sistema público de saúde.

“Longevidade é a grande meta que nós temos na saúde. Queremos que as pessoas vivam mais e vivam bem. Por isso, trouxemos a Telemedicina. Os exames realizados na oftalmologia proporcionarão identificação de diagnósticos especializados, com uma retaguarda técnica e tecnológica por meio da inteligência artificial e com ação direta do médico e paciente, com intuito principal de oferecer qualidade de vida”, ressalta o prefeito de Tarumã, Oscar Gozzi.

De acordo com prefeito Oscar Gozzi, nos próximos 30 dias, a quarta especialidade estará ativa, fechando o ciclo das quatro especialidades em funcionamento pleno. Posteriormente, o paciente que realizar uma consulta no Programa Saúde da Família (PSF) em cardiologia, havendo necessidade clínica, terá o apoio do médico do PSF e de um médico especialista da iSalut, para que sejam realizados todos os procedimentos necessários e o possível encaminhamento para a Unidade Básica de Saúde (UBS).

Graças ao processo de machine learning, o sistema dotado de inteligência artificial tem uma assertividade superior a 90% na avaliação do exame. A inteligência médica vem na sequência, avaliando e dando prosseguimento ao atendimento, encaminhando o laudo do exame ou, quando necessário, entrando em contato para orientação da conduta que deve ser adotada.

Assessoria de Comunicação l Prefeitura Municipal de Tarumã